12/04/2023 às 18h34min - Atualizada em 12/04/2023 às 18h34min

Camisa pesa, Milan vence o Napoli por 1a0 e sai em vantagem para o jogo de volta em Nápoles

Rossoneros venceram com gol de Bennacer

Henrique Esteves - contato@metrópoleregional.com.br
METRÒPOLE REGIONAL
Reprodução
O Milan bateu o Napoli por 1 a 0 nesta quarta-feira no San Siro, em Milão, pelo jogo de ida das quartas de final da Champions League, o único gol do duelo italiano foi marcado pelo argelino Ismael Bennacer, ainda no primeiro tempo, com o resultado, o Rossoneri joga por, ao menos, um empate na partida de volta no Diego Armando Maradona, em Nápoles, na próxima terça-feira, às 16h, o Napoli precisa reverter para conseguir a vaga na semifinal da competição.

Apesar do mando de campo ser do Milan, quem começou com tudo foi o Napoli. A equipe visitante colocou o goleiro Maignan para trabalhar em duas oportunidades em menos de 15 minutos, logo de cara, aos três, Anguissa chutou forte e o paredão francês da equipe Rossoneri fez ótima defesa, aos 11, Tomori errou na saída de bola e ela ficou com Di Lorenzo,o lateral do Napoli tocou para Zielinski e o polonês soltou a pancada de fora da área, para mais uma boa defesa de Maignan, o time visitante seguiu pressionando com a linha alta.

Aos 25, o Milan respondeu à altura. Rafael Leão roubou a bola, partiu do meio-campo em velocidade, arrancou e chegou até a área do Napoli, e finalizou com muito perigo. Foi a primeira boa oportunidade dos donos da casa no clássico.

Em um contragolpe de velocidade, o Milan mostrou o seu tamanho. Brahím Díaz partiu na transição, abriu no Rafael Leão na direita e o português tocou para Bennacer soltar o pé de canhota, para abrir o placar para o heptacampeão europeu, 1 a 0 no San Siro.

Perdendo o jogo, o Napoli começou o segundo tempo em Milão jogando avançado. Logo aos quatro minutos da etapa complementar, Kvaratshkelia fez jogada pela direita e cruzou para Elmas tocar de cabeça, quase que encobrindo Maignan, mas o goleiro do Milan voou bonito e salvou novamente a equipe da casa.

Aos 28 minutos, Anguissa foi expulso de campo. O meio-campista do Napoli recebeu o segundo cartão amarelo após falta em Theo Hernández. O camisa 99 havia sido amarelado por infração poucos instantes depois de receber o primeiro cartão.

No fim do jogo, aos 41, mais um milagre do goleiro Maignan. O francês salvou a pátria do Milan após chute forte de Di Lorenzo dentro da área e garantiu a vitória por 1 a 0 na partida de ida, fechando o gol no San Siro.

​Antes do jogo da volta, Milan e Napoli jogam no fim de semana pelo Campeonato Italiano. O Rossoneri encara o Bologna no sábado, fora de casa, às 10h, enquanto os napolitanos enfrentam o Hellas Verona em casa, às 13h, no mesmo dia.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://metropoleregional.com.br/.