22/05/2023 às 08h24min - Atualizada em 22/05/2023 às 08h24min

Franco da Rocha é contemplada com subsídios para 98 unidades habitacionais

Conquista junto ao governo do Estado beneficia famílias de baixa renda em busca do imóvel próprio.

Da Redação - [email protected]
METRÓPOLE REGIONAL
A cerimônia oficial do Governo do Estado contou com a presença de vereadores de Franco da Rocha, entre eles Sheila Reinteiro (PL) e do ex-candidato à prefeito Diego Hernandez (PDT). Foto: Divulgação
O municipio de Franco da Rocha recebeu na manhã quinta-feira (18/05), em São Paulo, a confirmação de repasses de subsídios para 98 famílias francorrochenses por meio do programa “Casa Paulista”, na modalidade Carta de Crédito Individual, que visa garantir o acesso à casa própria em empreendimentos com contratação validada pela Caixa Econômica Federal. O anúncio foi feito pelo governador Tarcísio de Freitas durante cerimônia de oficialização junto ao secretário estadual de Desenvolvimento Urbano e Habitação, Marcelo Branco, e o presidente da Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo (Alesp), o deputado André do Prado. O evento ocorreu no Palácio dos Bandeirantes, sede do governo paulista. A cerimônia oficial do Governo do Estado contou com a presença de vereadores de Franco da Rocha, entre eles Sheila Reinteiro (PL) e do ex-candidato à prefeito Diego Hernandez (PDT). 

Ao todo foram liberados R$ 69 milhões para a construção de 6.257 moradias populares na capital e em outros 20 municípios, entre eles Franco da Rocha, e Guarulhos. Na cidade de Franco da Rocha, o subsídio deverá contemplar 98 núcleos familiares que atendam ao perfil do programa, sendo famílias com renda de até três salários mínimos em empreendimentos autorizados pela Secretaria de Estado de Desenvolvimento Urbano e Habitação, no âmbito de financiamentos da Caixa. 

Segundo informações divulgadas pelo governo do Estado, o valor do benefício estadual varia entre R$ 10 mil e R$ 16 mil, conforme a localização do imóvel. Ainda de acordo com o Palácio dos Bandeirantes, a estimativa é de que as obras gerem mais de 16 mil empregos até a entrega dos imóveis no território paulista. Esta é a primeira vez que o “Casa Paulista” contempla municípios priorizando a incidência de áreas de risco a fim de suprir as necessidades habitacionais observadas em São Paulo.

Apesar do municipio ser contemplado com os primeiros susídios habitacionais do atual Governo do Estado, a Prefeitura de Franco da Rocha e o Poder Executivo não se manifestaram em nenhuma nota sobre a conquista de moradias na cidade. 

Habitação do Governo do Estado

 

O governador Tarcísio pontuou a prioridade da habitação em São Paulo e a ousadia do projeto, que assegura oportunidade de moradia para quem mais precisa, além da geração de emprego. “Queremos ter uma forte produção habitacional que vai se dar por meio de todas as frentes possíveis, como provisão direta da CDHU (Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano), parcerias público-privadas e programa ‘Casa Paulista’. As áreas de risco estão no foco, sendo uma política de Estado que estamos dando passos firmes”, ressaltou.

A cerimônia também contou com a presença do secretário-chefe da Casa Civil, Arthur Lima; do secretário estadual de Governo e Relações Institucionais, Gilberto Kassab; do prefeito de São Paulo, Ricardo Nunes; e demais autoridades estaduais, parlamentares e prefeitos.





 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://metropoleregional.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp