05/06/2023 às 10h53min - Atualizada em 05/06/2023 às 10h53min

Abel Ferreira segue fazendo o seu trabalho, já a imprensa deixa de fazer o dela por polêmicas

Treinador foi perseguido novamente na coletiva de imprensa devido ao seu comportamento ‘’intenso’’

Henrique Esteves - [email protected]
METRÒPOLE REGIONAL
Reprodução/Uol
Mesmo com desfalques, Verdão segue sendo avassalador com ajustes do português mais procurado no Brasil.

A função do treinador é tomar decisões em prol da equipe, e isso Abel Ferreira faz com maestria, a função da mídia é noticiar os fatos relevantes, como por exemplo as mudanças táticas no time do Palmeiras, mas a imprensa prefere focar naquilo que dá cliques e curtidas nas redes sociais, as famosas polêmicas vazias.

Na coletiva do último domingo (4), o treinador alviverde foi mais assediado pela sua forma intensa de agir dentro das quatro linhas, do que sobre a vitória incontestável contra a equipe do Coritiba

Ao ser questionado sobre seu comportamento no jogo, Abel foi direto e reto na resposta, ‘’. Eu reparo que muita gente gosta de ter o Abel na boca. Há uma coisa que vocês têm que entender: sou um treinador intenso nas quatro linhas. Isto não vai mudar, quando mudar eu vou deixar de ser treinador’’.

O português já deu todos os sinais de sua autenticidade, cabe a mídia reconhecer e buscar falar mais do jogo ao invés de focar no imutável.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://metropoleregional.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp