10/06/2023 às 18h03min - Atualizada em 10/06/2023 às 18h03min

City bate a Inter de Milão e consegue título europeu inédito

Equipe de Guardiola garante a tríplice coroa

Henrique Esteves - [email protected]
METRÒPOLE REGIONAL
Pep Guardiola é o segundo treinador mais vitorioso da história
O Manchester City é campeão da Champions League. Neste sábado, a equipe comandada por Pep Guardiola enfrentou a Internazionale de Milão no Estádio Olímpico Ataturk, em Istambul, na Turquia, e venceu por 1 a 0, graças ao gol de Rodrigo, no segundo tempo.

Com o resultado, o City não só faturou a Champions League mas também a tríplice coroa na temporada, já que também foi campeão do Campeonato Inglês e da Copa Inglaterra, coroando o excelente trabalho do técnico espanhol Pep Guardiola, que já havia conquistado dois títulos europeus com o Barcelona.

A Champions League era o único campeonato que faltava ao Manchester City. Em 2020/21, a equipe chegou à final do torneio, mas foi derrotada pelo Chelsea, por 1 a 0, no Stade de France, em Paris. A Inter de Milão, por sua vez, perdeu a oportunidade de conquistar o tetracampeonato europeu.

Se Kevin De Bruyne deixou o campo na reta final do primeiro tempo, aos 11 minutos da etapa complementar foi a vez de Dzeko sair de cena para a entrada de Romelu Lukaku, vice-artilheiro da Inter de Milão na temporada, com 14 gols.

Pouco depois da entrada de Lukaku, a Inter de Milão novamente teve uma boa chance graças a um vacilo da defesa rival. Akanji deixou a bola para Ederson, mas não viu Lautaro nas suas costas. O argentino invadiu a área com ela dominada, mas, ao invés de acionar um de seus companheiros, resolveu bater para o gol, parando no arqueiro brasileiro.

Sem conseguir converter suas oportunidades, a Inter de Milão acabou sendo castigada aos 22 minutos. Akanji deu passe em profundidade para Bernardo Silva, que chegou na linha de fundo e cruzou para trás. A bola ainda desviou na zaga da Inter antes de sobrar para Rodrigo, que chegou batendo de primeira, no cantinho, sem chances para Onana, abrindo o placar em Istambul.

A resposta da Inter de Milão veio logo no lance seguinte. Dumfries cabeceou, a bola passou pela defesa do City e sobrou para Dimarco, que também arrematou de cabeça, encobrindo Ederson, mas a bola bateu no travessão. No rebote, ela voltou para Dimarco, que, novamente de cabeça, viu Lukaku bloquear a conclusão e evitar o empate.

Com a vantagem, o City viu a Inter de Milão se jogar ao ataque, algo que não vinha fazendo até então, e aproveitou os espaços deixados para atacar o adversário e tentar ampliar o placar. Mas, no fim, foram os italianos que tiveram a grande chance de balançar as redes com Lukaku, mas Ederson fez um milagre à queima-roupa, garantindo, assim, o tão sonhado título da Liga dos Campeões.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://metropoleregional.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp