17/07/2023 às 10h27min - Atualizada em 17/07/2023 às 10h27min

Prefeitura e CCR AutoBAn promoveram evento de conscientização e instalaram 470 antenas corta-pipa em motocicletas

A ação teve como público-alvo motociclistas, que são os mais expostos a este tipo de risco.

Da Redação - [email protected]
METRÓPOLE REGIONAL
Foram realizadas abordagens educativas, instruções de pilotagem segura e distribuição de materiais informativos aos condutores, além da fixação de 470 antenas corta-pipa. Foto: SECOM/Prefeitura

A CCR AutoBAn realizou na última quinta-feira (13.julho), em parceria com a Prefeitura de Cajamar, através da Secretaria de Mobilidade e Desenvolvimento Urbano e o Departamento de Mobilidade Urbana e Trânsito, uma ação educativa com motociclistas sobre prevenção de acidentes envolvendo linhas de pipa com materiais cortantes. A ação aconteceu na Avenida Tenente Marques, no bolsão do Ginásio Antônio Carlos Tramassi, no Polvilho, e teve como público-alvo motociclistas, que são os mais expostos a este tipo de risco.

Foram realizadas abordagens educativas, instruções de pilotagem segura e distribuição de materiais informativos aos condutores, além da fixação de 470 antenas corta-pipa. De acordo com a CCR AutoBAn, essa parceria com a Prefeitura de Cajamar foi fundamental, considerando que os motociclistas que circulam pelas vias municipais são os mesmos que transitam pelo Sistema Anhanguera-Bandeirantes.

O secretário de Mobilidade e Desenvolvimento Urbano, Leandro Arantes, acompanhou a iniciativa. “São orientações de segurança e prevenção e integram as diversas parcerias que temos feito com a CCR. Essas orientações são de extrema importância e reforçam aos motociclistas sobre a necessidade do uso de antena de proteção, pois mesmo usando capacete, eles ficam expostos a grandes riscos”, comentou.

RECOMENDAÇÃO

O uso de linhas com cerol e outros materiais cortantes em pipas traz sérias consequências para os condutores de motocicletas, pedestres e ciclistas. E, no período de recesso escolar, como julho, por exemplo, as brincadeiras com pipas tendem a ser maiores, oferecendo mais riscos. Portanto, os cuidados devem ser redobrados, principalmente entre os motociclistas que são os mais vulneráveis. A recomendação de especialistas é que eles façam uso de antena protetora, capacetes fechados e pescoceiras, por exemplo, para evitar lesões ou mortes por causa das linhas com cerol.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://metropoleregional.com.br/.