15/08/2023 às 12h18min - Atualizada em 15/08/2023 às 12h18min

Vereador Pingo propõe capacitação para identificação de transtornos globais na Educação

O requerimento propõe a implantação de ações periódicas, como palestras, imersões e cursos de capacitação.

Da Redação - [email protected]
METRÓPOLE REGIONAL
O requerimento propõe a implantação de ações periódicas, como palestras, imersões e cursos de capacitação, que tenham como objetivo preparar os profissionais da rede escolar municipal para identificar sinais de Transtornos Globais do Desenvolvimento
Na mais recente sessão ordinária da Câmara Municipal de Cajamar, o vereador Pingo trouxe à pauta uma proposição de extrema importância para a comunidade educacional. Por meio do Requerimento nº 174/2023, o vereador apresentou uma iniciativa que visa ampliar a conscientização e capacitação dos profissionais da educação, especialmente professores e coordenadores pedagógicos, em relação à identificação e acolhimento de crianças e adolescentes com Transtornos Globais do Desenvolvimento, com enfoque no autismo e outros transtornos neurodiversos.

O requerimento propõe a implantação de ações periódicas, como palestras, imersões e cursos de capacitação, que tenham como objetivo preparar os profissionais da rede escolar municipal para identificar sinais de Transtornos Globais do Desenvolvimento. Isso inclui transtornos como Transtorno do Déficit de Atenção com Hiperatividade (TDAH), síndrome de Asperger, dislexia, psicoses infantis, altas habilidades e, especialmente, o autismo.

A capacitação pretendida pelo vereador Pingo vai além da identificação, abrangendo também o apoio e acolhimento dos familiares das crianças e adolescentes com esses transtornos.

O vereador ressaltou a relevância dessa ação: "A educação inclusiva é uma responsabilidade de toda a sociedade. Através dessa capacitação, pretendemos criar uma rede de profissionais preparados para identificar, acolher e apoiar os alunos com transtornos globais do desenvolvimento, proporcionando a eles as ferramentas necessárias para um aprendizado efetivo."

O Requerimento nº 174/2023 agora será encaminhado para análise e deliberação, abrindo um caminho para a discussão e implementação de ações que beneficiarão tanto os profissionais da educação quanto os estudantes e suas famílias.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://metropoleregional.com.br/.