14/05/2024 às 09h50min - Atualizada em 14/05/2024 às 09h50min

Cajamar Rodeo Fest e Fundo Social arrecadam cerca de 30 toneladas de doações para vítimas das enchentes no RS

Público lotou o ponto de entrega, com sacolas repletas de doações para os desabrigados do Rio Grande do Sul.

Da Redação - [email protected]
METRÓPOLE REGIONAL
Cajamar Rodeo Fest recebeu apresentações de artistas como Ana Castela, Pedro Sampaio e MC Don Juan. Foto: Reprodução

O Cajamar Rodeo Fest, que chegou ao fim no domingo (12), em parceria com o Fundo Social de Solidariedade arrecadaram cerca de 30 toneladas de doações em prol das vítimas dos temporais no Rio Grande do Sul. 

A festa ainda registrou lotação máxima em quase todos os shows. O público, em muitos momentos, protagonizou um coral gigante, com milhares de vozes cantando junto com os artistas.

Algumas pessoas trocaram um quilo de alimento não perecível por um ingresso de show aos domingos. No entanto, a promoção não era válida na sexta-feira e no sábado. Mesmo assim, o público lotou o ponto de entrega, com sacolas repletas de doações para os desabrigados do RS.

O evento

O Cajamar Rodeo Fest, tradicional festa sertaneja organizada pela Viva+ Entretenimento, empresa do grupo TEM+, com promoção da TV TEM, afiliada da TV Globo, começou no dia 3 de maio, com shows de Luan Santana e da dupla Zé Neto & Cristiano. No dia 4, Ana Castela, Pedro Sampaio e MC Don Juan subiram ao palco, enquanto Luan Pereira agitou o público no dia 5.

Última Semana

No último final de semana Jorge e Mateus lançaram uma música do seu novo trabalho. A dupla repetiu, por mais de 3 vezes, o refrão da música "tem amor, tem amor, tem volta" para que as câmeras que estavam registrando as cenas para o novo clip conseguissem captar as melhores imagens e o melhor som. Por muitas vezes o profissional que estava no palco andando e registrando as cenas, chegou muito perto dos cantores que tiveram que desviar.

Maiara e Maraísa cantaram muitos sucessos e foram abraçadas pelo público com o carinho e dedicação que retribuiu em coro quase todas as músicas do repertorio do show.

Alok deu um show de tecnologia. Pra começar um drone foi busca-lo no camarim e tudo transmitido no telão. Pela segunda vez em Cajamar, Alok estava a vontade e usou tudo que podia: raio laser, labaredas, fagulhas e a batida característica da música eletrônica para marcar mais uma apresentação sem esquecer da solidariedade. Ele doou o cachê do show para as vítimas da tragédia no sul.

A dupla Bruno e Marrone subiu ao palco e cantou dos sucessos mais antigos até "facas' que é uma das mais atuais. Marrone falou das vítimas do Rio Grande do Sul, pediu apoio e colaboração. Depois de o público gritar muito pedindo "dormi na praça" eles finalizaram o show com a música que marcou a carreira da dupla. Eles jogaram rosas vermelhas para os fãs na plateia.

Menos é mais encerrou o Cajamar Rodeo Fest com os sucessos do grupo e como eles gostam de dizer, balançando...balançando. 

 
 

 


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://metropoleregional.com.br/.