20/02/2023 às 22h48min - Atualizada em 20/02/2023 às 22h48min

Moradores de Cajamar relatam livramento e desespero após tragédia no litoral de SP

Moradores do distrito de Jordanésia passam bem e estão alojados em casa de parente em Caraguatatuba.

Por: Ricardo Rodrigues Pazin - [email protected]
Metrópole Regional
Um casal de turistas de Cajamar falam sobre momentos de tensão após chuvas intensas no litoral norte de SP. Foto: Arquivo Pessoal
Um casal de turistas de Cajamar que estão passando o carnaval no litoral norte de São Paulo relataram momentos de tensão por conta das chuvas devastadoras que causaram estragos no local no fim de semana.
 
Como consequência da tragédia, foi decretado estado de calamidade pública em seis cidades do litoral norte de SP e luto oficial de três dias. 
 
Até o início da tarde desta segunda-feira (20), o temporal deixou 40 mortos, sendo 39 em São Sebastião e um em Ubatuba. Nenhum deles teve a identidade divulgada.
 
Equipes seguem as buscas em São Sebastião, onde ao menos 40 pessoas estão desaparecidas. Em todo o estado, são 1.730 desalojados e 766 desabrigados. O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) interrompeu sua folga na Bahia e sobrevoou as áreas afetadas.
 
Susto
 
Servidores públicos da prefeitura de Cajamar, o casal Vanesca Souza e Marcelo Souza (foto), estavam em São Sebastião desde sexta-feira (17).

 


O casal havia programado passar o feriado de Carnaval em um camping na Praia de Santiago em São Sebastião, um dos locais afetados pelo temporal. 
 
Segundo a moradora do distrito de Jordanésia, o casal passou a sexta e o sábado em São Sebastião, mas conseguiram sair antes da tempestade e estão alojados na casa de um parente em Caraguatatuba. 
 
Para a reportagem do Metrópole Regional, a moradora disse que ela e o esposo tiveram um livramento. "Não consigo acreditar que era para gente estar lá. Graças a Deus estamos bem", disse Vanesca, em mensagem via de rede social. 
 
Interdições 
 
De acordo com a Prefeitura de São Sebastião não há como acessar por via terrestre os bairros de Juquei, Barra do Sahy, Camburi, Boiçucanga, Maresias, Paúba, Guaecá, Toque Toque Grande, Toque Toque Pequeno e Santiago onde os turistas de Cajamar iriam passar os próximos dias. 


“As pessoas vieram para cá e não têm como voltar”, disse o prefeito de São Sebastião, Felipe Augusto. “Nesses bairros, os comerciantes se prepararam com grandes estoques de comida e água para receber os foliões. As forças de segurança estão atuando. Embarcações estão tentando acessar esses locais.” 
 
Vanesca e Marcelo estão bem e aguardam a liberação das estradas para retornar à Cajamar. 

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://metropoleregional.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp